Jack Stappler, aka Ironpunch

Vigilante fanfarrão com um braço biônico

Description:
Bio:

Jack Stappler tinha uma carreira brilhante como atleta do time de futebol americano da University of Chicago. Atlético, ágil, seu único obstáculo para se tornar o jogador dos sonhos de qualquer treinador era sua falta de disciplina e impulsividade. E foi esta impulsividade que o tirou definitivamente do caminho para tornar-se um atleta profissional. Em uma noite, quando voltava para casa de um treino seguido de uma noitada, Jack percebeu que um senhor estava sendo assaltado.

Cheio de si, fosse pela bebida, fosse pelo seu natural excesso de confiança (“Afinal, eu sou um dos Maroons”), ele confrontou os dois agressores e os enfrentou. Pegos de surpresa, os assaltantes foram incapacitados, tendo sido presos pela polícia que chegou algum tempo depois, mas não antes de conseguirem alvejar Jack com três disparos, um no braço e dois no ombro. Jack acordou na cama do hospital, com o médico lhe dando as más notícias: os disparos haviam-lhe causado um dano muito severo no braço direito, que teve de ser amputado. Ele reconheceu, ao fundo da sala, o homem que havia salvo. Ele se apresentou como o professor Quenton Llewellin, do departamento de robótica da Universidade, e disse que tinha uma proposta que poderia ajuda-lo em sua situação: o departamento estava desenvolvendo próteses robóticas avançadas, e ele poderia arranjar, se Jack concordasse, para que ele fosse voluntário para a implantação de uma das primeiras. Longe de ficar deprimido com a perda do braço, Jack viu na situação a oportunidade de tornar-se mais do que ele sonhara. Ele não seria mais um atleta: seria um herói. Pedindo ao professor que fizesse os ajustes para ampliar o máximo possível a força de seu braço biônico, Jack tomou sua decisão: iria se tornar Ironpunch, O soco mais forte dos Grandes Lagos.

Jack Stappler, aka Ironpunch

ARKIS d_real_one d_real_one